A engenharia de alimentos é muito presente na nossa vida, a maioria dos produtos alimentícios que encontramos no mercado e que temos na nossa casa veio de uma indústria de processamento de alimentos.

Essa indústria abrange tanto alimentos que passam por pouco processamento, como carnes, óleos e açúcar, como alimentos muito processados, como salgadinhos e bolachas recheadas. Também abrange a indústria de equipamentos, embalagens e aditivos.

A engenharia de alimentos engloba a fabricação, conservação, armazenamento e transporte de alimentos industrializados.

 

O engenheiro de alimentos é preparado para participar de todas essas etapas, e pode desempenhar muitas funções em uma indústria ou empresa.

Esse engenheiro desenvolve novos produtos, trabalha no controle de qualidade, seleciona matérias primas, determina como elas serão armazenadas, e pode até trabalhar com embalagens.

Além de trabalhar diretamente com o produto, esse profissional, muitas vezes, realiza o trabalho de gerente, e determina como serão executados os processos produtivos e como as equipes devem trabalhar.

Além disso, o profissional que trabalha com engenharia de alimentos, deve ter em mente que é um trabalho que exige muita responsabilidade, pois está lidando com alimentos, e portanto, com a saúde das pessoas.

 

Saiba como funciona essa graduação abaixo, e veja mais sobre como é o mercado de trabalho em engenharia de alimentos.

 

Como é o curso?

O curso de engenharia de alimentos, como todo curso de engenharia, tem muitas matérias de exatas, os assuntos serão relacionados a matemática, física e química, principalmente no início do curso.

Ao longo do tempo, o curso vai ficando mais específico, e os alunos vão aprendendo sobre matérias primas, processo produtivo, garantia da qualidade e todas as áreas que esse profissional pode trabalhar, como você pode ver aqui.

 

Durante o curso, também há conteúdos relacionados a administração, pois frequentemente, esse profissional desempenha atividades de gerenciamento e que são diretamente ligadas a administração da empresa.

Mas a grade do curso pode variar, é importante que você vá até o site do departamento de engenharia de alimentos da faculdade que te interessa, verifique as disciplinas que são ofertadas e veja se você se identifica com elas.

 

Também é possível encontrar diversas outras informações importantes, como quais atividades são ofertadas e quais as linhas de pesquisa dos seus professores.

O curso de engenharia de alimentos tem duração média de 5 anos. O estágio é obrigatório, e o estudante tem várias atividades práticas durante o curso.

Estágio

Apesar do estágio ser obrigatório, o estudante também pode fazer estágio não obrigatório. Grandes centros, onde há indústrias, ofertam mais vagas de estágio.

Nos estágios o estudante pode desempenhar várias atividades, depende da área que vai trabalhar, podem auxiliar no desenvolvimento de novos produtos, fazer análises, realizar atividades mais administrativas, como entrar em contato com fornecedores, relatórios, trabalhar com planilhas etc.

Os sites abaixo divulgam vagas de estágio.

ciee.org.br

portaldaindustria.com.br/iel

nube.com.br

estagionet.com.br

saee.com.br

Engenharia de Alimentos