Onde o sociólogo pode trabalhar?

Pesquisa

 A grande maioria dos formados em sociologia acabam trabalhando com pesquisas e dando aulas. Para isso é preciso seguir carreira acadêmica, fazer mestrado e doutorado.

A área acadêmica é a área que se dedica à pesquisas científicas. A sua função é realizar pesquisas com intuito de resolver problemas, obter mais informações sobre determinado assunto, contribuir para a melhoria de algo, e passar conhecimento.

Universidades

A grande maioria dos pesquisadores trabalham em uma universidade e são professores também. Para trabalhar em uma universidade pública é preciso passar por um concurso, ou como temporário. Em faculdades particulares o que conta é o currículo acadêmico. 

​Um pesquisador/professor pode chegar a ganhar muito bem, mas para isso é preciso tempo e dedicação. O início de carreira não costuma pagar muito bem, e os resultados também não aparecem rápido. No começo as pesquisas serão mais simples e pode ser difícil visualizar resultados práticos delas. 

 

É preciso tempo e esforço para realizar uma pesquisa que traga grandes resultados, mas quando realizada tem capacidade de gerar um grande impacto na vida das pessoas. 

​As pessoas que se dedicam completamente a realizar pesquisas podem receber bolsas para se dedicar somente aos estudos. São ofertadas bolsas para mestrado, doutorado e para pesquisadores que participam de um determinado projeto.  

 

Essas vagas para pesquisadores normalmente são divulgadas no site das secretarias de extensão das faculdades.

As bolsas são concedidas pelo CNPQ, CAPES ou alguma fundação, como a Fundação Araucária. Para conseguir uma bolsa é importante (não necessariamente determinante) ter bom desempenho acadêmico, realizar atividades acadêmicas e ir bem na prova do mestrado/doutorado.

Quando ainda estiver na graduação, você pode participar de um projeto de iniciação científica, outros projetos de pesquisa e participar de eventos acadêmicos. A participação nessas atividades contam pontos no seu currículo. ​

Institutos de pesquisa

Além das universidades, existem alguns institutos de pesquisa específicos que realizam estudos sobre sociologia e que contratam sociólogos.

Muitos institutos ficam dentro de universidades, mas existem alguns que não.

 

O sociólogo pode trabalhar em grandes institutos de pesquisa como o IPEADATA e o IBGE, que também ofertam bolsas para determinados projetos.

Podem ainda, trabalhar em institutos de pesquisa de opinião e outros institutos que produzem estudos, mas que não são diretamente ligados a sociologia, como, por exemplo,  o INEP (pesquisas educacionais). 

 

Para trabalhar nesses lugares, é preciso ter um bom currículo acadêmico, para poder participar de um projeto de pesquisa, ou por meio de concurso.

Para construir um bom currículo acadêmico, procure realizar um projeto de iniciação científica, participar de eventos acadêmicos e outros projetos de pesquisa, enquanto estiver na faculdade.

ONGs

Em ONGs, o sociólogo pode trabalhar em cargos relacionados a administração e captação de recursos e desenvolvendo projetos.

Pode também, realizar trabalho semelhante ao do assistente social.

Sindicatos, movimentos sociais e partidos políticos

Por ter bons conhecimentos sobre o funcionamento da sociedade, o sociólogo pode fazer parte de sindicatos, movimentos sociais, partidos políticos e outras atividades que tenham caráter político.

Nesses lugares, esse profissional, pode tanto exercer cargos relacionados a administração e tomada de decisões, como assessor de imprensa.

A melhor maneira de começar a trabalhar nesse meio, é se filiando a um partido ou sindicato e participando de suas atividades.

Setor público

O setor público tem como função fornecer bens e serviços para os cidadãos. O profissional que trabalha no setor público está gerando impacto direto na vida da população, por isso é muito importante que haja bons profissionais na área.

A carreira nesse setor tem muitas vantagens, como estabilidade financeira, muitas vezes uma jornada de trabalho reduzida e outros benefícios, como licenças remuneradas, abonos e salários iniciais atraentes. 

 

Mas há algumas desvantagens também, com certeza você já ouviu alguém dizer que o setor público não funciona como deveria funcionar.

O trabalho pode ser muito burocrático, muitas vezes depende de outras pessoas e de questões políticas, por conta disso, os resultados podem demorar a vir, é muito fácil o funcionário se sentir desestimulado. É preciso paciência e persistência.

O sociólogo tem conhecimentos que são muito valiosos para formulação de políticas públicas, ele pode trabalhar no governo, em ministérios, secretarias e prefeituras, ajudando na elaboração de políticas e projetos. Pode trabalhar tanto em cargos concursados como cargos de confiança e cargos políticos.

Há concursos para cargos como agente e assistente de políticas sociais, que são ofertados por secretarias e ministérios, mas esses cargos não são exclusivos para sociólogos.

 

Vagas específicas para sociólogos, costumam ser ofertadas em prefeituras, onde esses profissionais realizam atividades, como pesquisas e estudos e na gestão e elaboração de projetos sociais.

Os principais locais que ofertam vagas para o sociólogo (que são relacionados a gestão de políticas) são prefeituras, o ministério do planejamento e o ministério da saúde.

Outros ministérios e instituições, como a ONU e o Banco Mundial, contratam consultores para trabalharem em projetos específicos. Alguns ministérios e secretarias também contratam sociólogos para projetos específicos como o bolsa família, por exemplo. 

 

Se você tem interesse em trabalhar em um lugar desses, fique de olho nos sites dos institutos de pesquisa e nos concursos de prefeituras.

Muitos cargos de gestão e formulação de políticas, como secretários, coordenadores e cargos de alto escalão como ministros, são por meio de nomeação. 

 

Se você deseja  seguir uma dessas carreiras, além de seguir carreira acadêmica, é necessário se preocupar em fazer  contatos durante sua vida profissional, ou então seguir uma carreira política.

Se tem a intenção de trabalhar em uma grande instituição, procure se envolver com ela o mais cedo que puder, e se familiarizar sobre as exigências de cada lugar.

Para saber como trabalhar na ONU clique aqui.

 

Nos institutos como IBGE, o ingresso é por meio de concurso, ou você pode conseguir uma bolsa, para trabalhar em projetos de pesquisa.

 

 

Escolas

Professor é uma das profissões mais importantes que existe, que infelizmente não é valorizada como deveria. É uma profissão bastante difícil, por causa dos baixos salários e da infraestrutura muitas vezes ruim, mas que também pode ser muito gratificante.

 

O professor, além de passar conhecimento, também é responsável pela formação de seus alunos como cidadãos.

O professor de sociologia dá aulas para o ensino médio, pode dar aulas em escolas públicas e privadas.

 

As escolas particulares costumam pagar salários melhores e possuem uma melhor estrutura, mas nenhum chega a ganhar um salário alto. 

Se você deseja ser professor e dar aulas para o ensino médio, procure fazer estágio em escolas enquanto ainda estiver na faculdade, mesmo que você esteja cursando bacharel em sociologia.

 

Para dar aulas em escolas públicas é preciso passar por um concurso.

 

Cursinhos

 

Os professores de sociologia também podem dar aulas nos cursinhos pré-vestibular. Normalmente os professores desses cursos tem salários mais atrativos em comparação com os professores que dão aula em escolas.

Para dar aula em cursinhos, é preciso que o professor tenha não só um grande conhecimento, mas uma grande capacidade de passar conteúdos com clareza e de maneira didática.

 

Empresas

Está se tornando cada vez mais comum a contratação de sociólogos por grandes empresas, para desempenhar diferentes atividades.

Dentro dessas empresas, o sociólogo pode atuar no setor de marketing, fazendo estudos relacionado ao comportamento do consumidor, e auxiliando em campanhas publicitárias. 

 

Pode também atuar na área de recursos humanos, cuidando e desenvolvendo projetos sociais e sustentáveis da empresa.

Veja também quais as áreas de atuação do sociólogo.